Tatiane Laurinda foi agredida e pode ter sido vítima de feminicídio

Tatiane Laurinda foi agredida e pode ter sido vítima de feminicídio

Uma mulher de 31 anos foi encontrada morta pela mãe no banheiro da casa onde morava, em Formosa do Oeste, no oeste do Paraná, na tarde de sábado (12). A polícia suspeita de feminicídio, segundo informações do G1.

Segundo os policiais, Tatiane Laurinda da Silva morava sozinha e a família não soube informar se ela estava namorando. Ela trabalhava no fórum da cidade.

No corpo havia vários sinais de agressão, principalmente na cabeça e no rosto.

As investigações apontam que o agressor entrou na casa sem precisar arrombar portas ou janelas, o que indica que ele era conhecido da vítima.

Testemunhas foram ouvidas, mas até este domingo (13) nenhum suspeito havia sido preso.

O laudo apontando quando as agressões foram cometidas e como Tatiane foi morta deve ficar pronto na segunda-feira (14).